JoAnInHaS falam no silêncioOoOo (:|:)

…e o que elas escrevem?!

.novamente.devaneios.

…E assim resolvi escrever. Com letras maiores que o normal. Porém, com frases mais curtas e evasivas. Não há nada que eu realmente queira fazer nem dizer. Hoje queria somente um gesto de carinho. Na verdade um aperto de mão bem forte já me deixaria bem satisfeita. Mas, enfim, nem sempre temos tudo o que queremos. E, assim, resolvi escrever.

(:|:)

Anúncios

4 de fevereiro de 2010 Posted by | DiVaGaÇõEs | , , , , , | Deixe um comentário

.bem.aqui.

Minhas unhas estão azuis. Comi salgadinho e tomei sorvete. Desenhei uma flor e escrevi 3 cartas para a mesma  pessoa. Me pediram perdão e eu perdoei. Não tirei o esmalte azul das unhas. Tomei banho de mangueira. Falei ao telefone mais vezes que o comum. Li um pouco dos 4 livros que estou lendo. Abracei meus pais. Beijei meus sobrinhos. Parei para sentir o vento no rosto. Ri de besteirinhas e ri mais um pouco. Mesmo com o esmalte azul você ainda estava e está nos meus pensamentos.

(:|:)

3 de janeiro de 2010 Posted by | DiVaGaÇõEs, Romances | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

.tentativas.

Oi Viny! Tô escrevendo só pra te dizer que eu te amo!

Oi, tudo bem, Viny? Não sei se tu já notou, mas eu…eu…

Bom dia! Hoje eu acordei e percebi que não posso deixar passar mais este dia sem que tu saibas o que eu sinto…

Viny, tu sabe que eu gosto de ti?

Oi! Vou direto ao assunto tá? Olha já faz um tempo que eu tô sentindo algo diferente por ti… Sabe? Algo além da amizade… muito além disso na verdade. Pois é… tu nunca reparou né? Foi o que eu imaginei…

Hei Viny! Eu pensei se tu não gostaria de tomar um café comigo hoje. Lá pelas 4… ou melhor.. pelas 16:00 horas…

Oi! Como você tá? Eu tô querendo muito falar com você. Será que podemos marcar uma hora? Se eu não estiver me deixa um bilhete também…. ou me liga… 5554-9682…

Viny, estou apaixonada por ti… parece louco… mas…

Olá, Viny! Estou buscando várias formas pra dizer uma única verdade, a única verdade que sempre houve entre nós. EU TE AMO! Será que tu nunca vai perceber isto? Já faz tempo que tento te falar… Mas parece que tu não quer perceber, parece que tu prefere não saber o que eu sinto. Mas saber ou fingir não saber, não vai mudar o que já sinto há tanto tempo. Sei que tu não me ama. Sou apenas tua amiga. Só mais uma entre tantas. Mas eu te amo. E pra mim isto basta. Basta por nós dois. Não vem me dizer que não sentes o mesmo, porque isto eu já sei. Então me poupe de sofrer mais do que já sofro simplesmente por te amar… Ana Carolina.

Oi, Viny! Só tô deixando este bilhete pra te avisar que a planilha de julho já está pronta. Pega comigo depois do almoço. Bom dia! Ana.

(:|:)

9 de agosto de 2009 Posted by | Cotidiano, Romances | , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário